sábado, 3 de dezembro de 2011

Reação do Trabalhador Assediado Moralmente.

A pessoa que é Assediada Moralmente fica sem reação e ainda quando “sai do sufoco” (É DEMITIDA) além de Problemas como Econômicos, Saúde, Psicológicos;
Ainda é acusada de ter provocado o fato, ter brigado no Trabalho, enfim quem não entende uma situação, ataca.

Um trecho da Dra. Marie-France Hirigoyen(pesquisadora), no Blog Assédio Moral:

procedimentos perversos assim como a vivência da vítima, a ofensa à sua dignidade, as conseqüências à sua saúde.
São procedimentos que destroem a identidade e a auto-estima da pessoa.
Este aspecto torna difícil a autodefesa, porque começam por destruir seus meios de defesa, atingindo sua dignidade.
A pessoa é isolada, perde a confiança em si própria, e não consegue mais se defender.
Então, fica mais fácil destruí-la.
A vítima é reduzida à condição de objeto que pode ser usado e depois descartado, e sua identidade é desprezada e aviltada.
Trata-se, indubitavelmente, de procedimentos antiéticos que transgridem as normas que são reconhecidas como totalmente inadmissíveis

O superior serve-se de procedimentos perversos que,atando psicologicamente as vítimas,impedem-nas de reagir.Esses mesmos procedimentos,que se assemelham a armadilhas,foram usados nos campos de concentração.
O empregado sente-se acuado.Vai aceitando cada vez mais,sem chegar a dizer sequer que aquilo é insuportável.
livro Assédio Moral





Nenhum comentário:

Postar um comentário